Dream Cast Fans 2015

Dream Cast Fans 2015

terça-feira, 23 de setembro de 2014

A Finalista - Vida de Kriss Ambers Cap 06

Olá Selectioners!

E para a nossa alegria geral, mas um capítulo dessa fanfic maravilhosa e com algumas surpresinhas heheheh

Fanfic / Fanfiction de A Seleção - A Finalista - Capítulo 6 - Mais do que Amigo


Já faz uma semana desde o "incidente" no porto. Após aquele dia, eu e Josh voltamos a conviver e a conversar normalmente. Provavelmente foi mais um de meus devaneios e Josh realmente apenas quis limpar as minhas lágrimas, ou me dar um abraço consolador. Esse é o meu amigo!
Durante essa semana mudei a minha escolha em relação à faculdade que irei cursar: agora farei História, e estou decidida! Realmente é o que me satisfará profissionalmente, afinal eu sempre amei história. Meus pais novamente me apoiaram, e Josh também. Eles são maravilhosos! Não saberia viver sem eles.
Acordo pensando em America. Sim, em America. Penso em como ela nunca pareceu competir na seleção, e ainda assim sempre pareceu estar a frente de todas as outras selecionadas na disputa. Não só pareceu como realmente estava. Lembro-me da vez que disse a ela: "Você é tão esperta, America. Não é de surpreender que Maxon gostasse tanto de você." Eu fui sincera, realmente acho America esperta e ainda admiro o seu censo de justiça, porém não deixei de atingi-la em minha frase usando o passado, me referindo a que Maxon não gostasse mais tanto dela. Eu tinha de enfraquecê-la de alguma maneira, e essa foi a maneira mais fácil que encontrei naquele momento: a dúvida.
Levanto-me e me arrumo rapidamente para o café da manhã. Josh chegará daqui a pouco. Vamos assistir um filme juntos. Entro na sala de jantar e me sento à mesa, juntamente com meus pais.
-Bom dia, florzinha. Dormiu bem? -Questiona meu pai.
-Bom dia! Dormi sim, pai.
-O Josh chegará que horas? -Minha mãe pergunta.
-Marquei com ele às dez, e ele, como é tão pontual, provavelmente chegará dez minutos antes.
A campainha toca. Molly passa pela sala de jantar rindo.
-Ou meia hora antes. -Zomba.
Todos rimos. Ouço a voz animada de Josh, me levanto e vou ao seu encontro.
-Olá, moço!
-Olá, senhorita! Sinto atrapalhar o seu desjejum.
-De maneira alguma, senhor. Já acabei. -Brinco. -Vamos subir logo porque o filme é longo. -Sorrio.
Passamos pela sala de estar e Josh cumprimenta meus pais. Começamos a subir as escadas e ouço a voz de minha mãe.
-Deixem a porta do quarto aberta, mocinhos!
Coro. O que ela está pensando que iremos fazer? Josh é meu amigo! Olho para Josh, ele sorri animadamente, parece não ter se importado com o infeliz comentário de minha mãe. Que bom.
Logo ao entramos coloco algumas almofadas no chão e nos sentamos. Ligo a televisão e coloco o DVD. O filme é de ação, com cenas eletrizantes e um de nossos atores preferidos, Max Hollivers. Ficamos calados até boa parte do filme, e então me assusto com a chegada do vilão por trás do personagem interpretado por Hollivers e, sem pensar, abraço Josh. Fico envergonhada. Olho para seu rosto e ele sorri.
-Desculpe. -Murmuro.
Josh aproxima o seu rosto do meu, coloca uma de suas mãos em minha nuca. Estou paralisada. Então, subitamente, Josh fecha os olhos e aproxima o seus lábios dos meus, encosta-os por completo e me beija. Me beija docemente, lentamente, como se esse fosse o melhor momento de sua vida. É bom. Na verdade, é muito bom. É ótimo! Retribuo o beijando suavemente, delicadamente. Então me lembro: Ele é Josh! É o meu amigo, Josh! A-m-i-g-o! Me afasto subitamente o empurrando. Josh parece confuso e desconcertado.
-Me desculpe, Kriss. Eu não devia...
-Não devia!
-Desculpe. Desculpe. Eu não pude...
-Josh, você é meu amigo. O que fizemos? -Estou desesperada, confusa e começo a chorar. -Eu amo o Maxon. Josh eu...
-Desculpe, Kriss, mas...
-Josh, vai embora. Vai!
-Kriss, eu..
-Vai embora! Agora! -Começo a gritar.
Josh se levanta aturdido.
-Agora! -Ordeno aos berros.
Josh parece querer me dizer algo, porém sai do quarto e o ouço descer as escadas. Ouço também a voz preocupada de meus pais perguntando a Josh o que houve, e ele responde brevemente. A porta da sala é aberta e logo em seguida fechada. Ele já foi.
Como isso aconteceu? Como deixei isso acontecer? Como deixamos isso acontecer?
Meu coração ainda é de Maxon, e eu, por mais idiota que possa parecer, sinto que o estou traindo.








Espero que tenham gostado! Eu estou amando e confesso que até comecei à gostar um pouquinho mais da Kriss depois que comecei à ler essa Fanfic... E vocês?


CRÉDITOS: Mariana Requena









Beijinhus.......









Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos para comentar e expressar sua opinião com respeito !

Beijinhusss...